PRAÇA DE TAXIS




Cheio de actualidade, divulgamos outro documento reivindicativo, apresentado pelo Autarca Fernando Reis, em 29 de Setembro de 2006, na Assembleia de Freguesia, e aprovado por unanimidade




POR UMA PRAÇA de TÁXIS
NA FREGUESIA



Na Freguesia de Fernão Ferro sempre que se solicita com urgência um táxi, este demora a aparecer.

Fernão Ferro, tem uma população de 15 mil habitantes, na sua maioria envelhecida, e uma extensa área de 25 km2 com habitações espalhadas pelos sítios mais recônditos.

Muitos dos habitantes mais idosos já estão com pouca mobilidade física, têm dificuldade em conduzir e outros já nem sequer conduzem.

Outros ainda não sendo assim tão idosos nunca conduziram sequer.

Em muitas habitações, onde vivem apenas um casal com filhos menores só um dos elementos conduz.

Porém, todos têm necessidade de se deslocarem para irem ao médico, às compras ou fazerem simplesmente a sua vida normal e para isso precisam de um meio de transporte.

Meio de transporte que, nestes casos, só pode ser através de um táxi pois os transportes públicos não têm a frequência que deviam ter e não chegam a todas as zonas da Freguesia.

Uma Praça de Táxis no seio de Fernão Ferro é não só uma das reivindicações mais antigas da sua população como, nos dias de hoje, se torna numa necessidade cada vez mais premente e indispensável pelos motivos já referidos e por muitos outros como são as situações de emergência que ocorrem no dia a dia de cada um.

Pela importância desta questão que é fundamental para a qualidade de vida da população de Fernão Ferro, vem a Assembleia de Freguesia solicitar à Câmara do Seixal que efectue os procedimentos necessários para que rapidamente a Praça de Táxis seja uma realidade nesta freguesia.



Este documento foi enviada ao:

-Presidente da Câmara do Seixal
-Associações dos Profissionais de Táxis no Distrito de Setúbal
-Associações e Colectividades da Freguesia de Fernão Ferro

E, nós, aqui no Blogue, deixamos esta pertinente pergunta na esperança de que os responsáveis possam responder:



DO QUE É QUE ESTÃO À ESPERA PARA A POPULAÇÃO DA FREGUESIA PODER VER CONCRETIZADA ESTA ANTIGA REIVINDICAÇÃO?

FF aos 09.10.2008



10 comentários:

João disse...

Estão à espera das próximas eleições autárquicas para repetirem mais esta promessa no programa que distribuem aos eleitores.
É o fado do 31.
Perdão, das 30 medidas que depois de concretizadas são só meia dúzia.
Sempre por culpa do governo porque a CDU cumpre sempre, excepto nas cãmaras onde governa.

M.Celeste disse...

Acabei de ler mais estes dois documentos do sr.Fernando Reis, sobre a ARPIFF e sobre a Praça de Táxis e tenho que dizer o seguinte:
1º- Parabéns ao senhor porque foi o único até agora que tem demonstrado interesse em divulgar o trabalho que tem apresentado na Assembleia de Freguesia.
2ºParabéns ainda pelo seu óptimo trabalho pois até agora tem sido sempre muito objectivo e sobre o que mais afecta a nossa qualidade de vida.
3ºGostaria de saber se os outros eleitos que ainda não apresentaram aqui o seu trabalho é porque não querem ou porque não têm trabalho para apresentar?
a)Se é porque não querem é uma falta de respeito pelos eleitores ter oportunidade para o fazerem e não o sujeitarem à nossa crítica.
b) Se é por nada terem para apresentar então tenho que perguntar o que é que andam a fazer na Assembleia?
Para defenderem os interesses da população não deve ser.
Desculpem, a franqueza, talvez esteja a ser injusta, mas também gostava de ver aqui o trabalho dos outros eleitos para saber em quem posso confiar no futuro.

Anónimo disse...

Penso ter já lido algures que estaria para breve a inauguração de uma praça de táxis na freguesia.
Ainda bem, já que vamos ter de deixar de telefonar para a Quinta do Conde quando precisamos.
Mas, mas e mais uma vez mas, se a decisão da praça for avante, vamos passar a ter mais dois problemas. Um onde se situará a praça? e o outro vai ser certamente a atribuição das licenças.
Ainda me lembro do que aconteceu com as bancas do mercado, suas atribuições e todo o processo.
Eu fui um dos prejudicados e só não digo aqui publicamente o meu nome porque nesta freguesia existe rancor e vingança por de algumas autoridades.
Amigos conterrâneos se pretenderem concorrer a uma licença vejam o filme - de olhos bem abertos.

José Paulo disse...

A praça de Táxis faz muita falta,lá isso faz.
Com tanta gente a querer uma licença para poder trabalhar com um táxi,não será por aí que a coisa está complicada.
Ainda vamos ter o TGV antes da praça de táxis, pelo andar da carruagem.

Paulo Edson Cunha disse...

Boa tarde a todos os leitores deste magnífico Blogue,

Não sou autarca em Fernão Ferro, mas respondo pelos autarcas do PSD eleitos na Assembleia de Freguesia (a um deles foi retirada a confiança política logo no início do mandato) e devo dizer que, por um lado já felicitei o trabalho desenvolvolvido pelo Sr. Fernando Reis do PS (sobretudo por publicar e deixar sufragar publicamente), no entanto não podemos cair no extremo oposto de pensar que quem não vem aos blogues mostrar os seus requerimentos, moções ou intervenções, então não produziu qualquer trabalho.
Devemos pensar que há quem não domine estas ferramentas tecnológicas, ou até que entenda que a política não se faz por esta via.
Estou particularmente à vontade, pois que me tenha apercebido fui o primeiro autarca do seixal a colocar ininterruptamente todos os trabalhos desenvolvidos políticamente no meu blogue, para serem comentados, analisados, dissecados e sufragados por quem os queira ver, mas não tenho a pretensão de dizer, ou esperar que os outros pensem, que sou o único membro eleito da Assembleia Municipala produzir trabalho.

Caminhamos efectivamente para uma situação de prestação de contas, quase que diria, online, mas não devemos cair em radicalismos, nem em juízos de valor precipitados.

Como já anteriormente anunciei, doravante o trabalho político produzido pelo PSD Seixal, incluindo as freguesias, poderá ser observado através do novo sítio do PSD Seixal em http://seixal.psddistritalsetubal.com.pt/.

Cumprimentos

fernando Reis disse...

Caro Dr.Paulo Edson

Agradeço-lhe os seus amáveis comentários sobre o prestar contas do meu trabalho aos leitores, alguns serão certamente eleitores e, desde já quero também felicitá-lo pelo Sítio do PSD-Seixal, que já visitei.
Escusado seria aqui referir que jamais terei a pretensão de dizer que fui o único membro da Assembleia a produzir trabalho.
Como jornalista, referi muitas vezes, no Notícias da Zona, alguns contributos que outros meus colegas,nomeadamente, a Raquel Torrão(PS), o Franklim Jorge e o José Penha, todos do PSD, ou o Rui Manuelito e o Manuel Trindade, da CDU, prestaram em diversas ocasiões.
Cumprimentos.

Lídia disse...

Sou simpatizante do PSD. Mas acho que o sr.presidente do PSD no concelho, que admiro e espero ver como presidente do município,foi infeliz ao tentar tapar o sol com uma peneira pelo facto de ser conhecido o trabalho muito fraquinho que o PSD local tem feito na assembleia de fernão ferro.
Isto é incontornável e quem caucionou aquela lista de candidatos devia agora ser responsabilizado pela nulidade que são.
Ora faltam, ora votam cada um para seu lsdo, não há coordenação e ainda não apresentaram nenhuma iniciativa que pudesse ser uma bandeira para o PSD.
Assim não vamos lá e o sr. presidente tem que inverter esta situação para não termos nenhuma desilusão.

Anónimo disse...

Os blogs pecam pela intervenção de pessoas que desconhecem a realidade das situações e não se preocupam em recolher as informações junto de quem depende as soluções ou possuem os dados.
A questão dos táxis teve um processo bastante atribulado. Basta existir uma contestação no concurso para que o processo atrase meses ou anos.
Se alguém quizer saber o que se passou deverá consultar a CMS ou as Juntas de Freguesia.
O processo está finalmente concluído e foram já atribuídos 15 novos Alvarás.
A Fernão Ferro foi atribuído mais um Táxi, sob proposta da Junta de Freguesia, que terá a sua praça em frente à sede da própria Junta.
Esclarecer que quando se afirma, ...mais um táxi, se deve ao facto de existir há cerca de 30 anos uma praça na EN 378, junto da Farmácia, a qual foi adquirida pelo taxista da Quinta do Conde, que como sabem funciona pelo sistema de Rádio.

Miro disse...

Eu até consigo atingir o que este ultimo anónimo pretende dizer, mas questiono da racionalidade de se manter uma praça de taxis ao pé da Farmacia na estrada nacional?
Não percebo por várias questões, uma porque a Freguesia, o seu cerne não está ai localizado, outra porque a fazer falta deveria estar o mais proximo do centro.
Agora basta saber onde é o centro, será na Junta? É equacionável já que o imóvel não é património publico e aJunta mais tarde ou mais cedo irá sair dali. E depois, vai a praça junto?
No meu entendimento a praça deveria ficar ou na R. Luis de Camões (para mim o sitio mais central e com mais movimento de transeuntes ou então em frente do centro de saude.
Não se esqueçam caros leitores que aqui atrasado havia um transporte da Junta para que as pessos fossem do centro de saude á Farmácia e pelos vistos esse serviço acabou, então não seria útil o Taxi ali.
Atenção que isto não é nenhuma critica a ninguem é só o meu pensamento alto e a minha visão. Jamais queria neste espaço ferir susceptibilidades como parece que já pretenderam fazer.
Obrigado por me ouvirem.

Firmino disse...

Este comentador anónimo das 13:04 horas, está muito bem informado. O meu obrigado pela informação que serviu para me esclarecer.
Já agora porque é que algumas pessoas que aparentemente estão bem informadas se escondem?
Eu tenho lido estas linhas e não vejo mal nenhum, nem tenho medo que me cortem a palavra.